Facebook Google Ads

Reimpacte os visitantes da sua Imobiliária

Imagine a seguintes situação: o Mário está procurando um imóvel para comprar. Ele já sabe quais bairros procurar, quantos dormitórios e qual o valor máximo que ele possui para investir.

Nosso amigo Mário entra no site da sua Imobiliária, faz a busca e encontra alguns apartamentos que se encaixam no perfil que ele está buscando.

Após já ter visualizado um número considerável de apartamentos e até ter se interessado por alguns, sua esposa avisa que a janta está pronta, começa o Jornal Nacional ou o filho do Mário chama o pai para mostrar algo que fez na escola durante o dia.

O que aconteceu em seguida? O Mário deixa o celular de lado e vai fazer outras atividades. Na volta, já não está mais com a mesma disposição para buscar o novo apartamento e acaba não olhando mais o site. E a Imobiliária acabou de perder um possível cliente pois não tinha nenhuma maneira de entrar em contato com o Mário.

Isso é muito mais normal do que pensamos nos dias de hoje. Com nossas vidas cheias de atividades que “achamos” que conseguimos fazer em paralelo, esquecemos ou perdemos muito conteúdo ao longo do caminho.

Agora imagina que essa Imobiliária investe em campanhas patrocinadas no Google, Facebook, Youtube, Instagram, etc. Ou seja, pra cada cliente que entra, a Imobiliária gasta um valor e o usuário, por motivos alheios à Imobiliária, acaba saindo do site. Quanto dinheiro não foi desperdiçado? Ou ainda, quantos clientes como o Mário deixaram de comprar um imóvel nesta Imobiliária?

Mas existe alguma maneira de trazer novamente o Mário pro site da Imobiliária?

Tem sim. Já falamos sobre remarketing aqui: Remarketing – O guia definitivo e a oportunidade que ele oferece de “relembrar” os clientes que já visitaram o site.

Porém, para uma campanha de remarketing padrão, o foco é mais em relembrar o cliente usando a marca. Mesmo que no anúncio esteja escrito algo como: “volte e continue navegando” o usuário pode não se identificar com o site ou a propaganda e acabar não clicando novamente. Outro problema do remarketing padrão é que o usuário, após clicar, acaba caindo em uma página que pode ser a de pesquisa, ou seja, ele tem que voltar a fazer a pesquisa que já havia feito, para ter acesso aos mesmos imóveis pesquisados antes. E nem sempre os usuários estão dispostos a refazer esta busca.

Por isso, existe uma forma de remarketing mais avançado, usado muito por lojas virtuais, que é o Remarketing Dinâmico.

Com o Remarketing Dinâmico para imóveis, podemos exibir em um anúncio, os imóveis já navegados por aquele cliente, e, caso sobre espaço no anúncio, alguns imóveis semelhantes.

Remarketing Dinâmico do Google
Remarketing Dinâmico do Facebook

Vamos voltar para a história do Mário? Naquela noite ele não olhou mais nenhum imóvel e acabou saindo do site da imobiliária. Durante alguns dias, conforme ia navegando por sites na internet ou pelo Facebook, acabava recebendo alguns anúncios de imóveis com fotos (e em alguns casos uma descrição e o preço) dos imóveis que ele já havia visualizado no site da imobiliária. E o mais interessante é que caso o Mário clique em um imóvel do anúncio, ele cai, automáticamente na página daquele imóvel.

Se o Mário viu um imóvel que gostou, mas não teve como dar continuídade na navegação, quando ele vê um anúncio com a foto deste imóvel, já volta uma lembrança na mente dele. E, ao clicar no anúncio, ele entra direto na página do imóvel e aí sim está mais perto de fazer alguma ação (entrar em contato, compartilhar com alguém ou até mesmo salvar para verificar no futuro).

Como funciona o Remarketing Dinâmico para imóveis?

Em primeiro lugar, é necessário reunir alguns dados (nome, bairro, cidade, preço, link da foto, etc) de todos os imóveis em uma planilha para que o Google ou o Facebook possam ter acesso aos dados dos imóveis. Caso algum imóvel seja acrescentado, removido ou modificado, isto precisa estar refletido neste planilha.

Alguns sites de imobiliária já fazem isso automaticamente. Para os que não fazem, nós aqui na AdExperts criamos uma forma de automatizar esse processo sem precisar fazer qualquer modificação no código do site.

Em segundo lugar, é preciso adicionar um código dentro do site da Imobiliária para informar o Google e o Facebook quais imóveis aquele usuário navegou.

E em terceiro e último lugar, cria-se os anúncios na plataforma e define-se mais alguns detalhes tais como a frequência que queremos que o usuário veja um anúncio (quanto maior a frequência, mais cansativo será para o usuário ver o nosso anúncio), o valor do clique, até quantos dias após visualizar um imóvel ele verá anúncio, etc.

Nós fizemos esta implementação em uma imobiliária e o resultado tem sido excelente. O número de contatos aumentou, e a campanha de Remarketing foi responsável por este aumento. Sem contar que já foram fechados negócios e o cliente disse que se interessou depois que viu o anúncio com a imagem do imóvel que havia pesquisado anteriormente.

É ou não é uma excelente solução pra trazer de volta aqueles clientes mais interessados mas que por um motivo qualquer acabaram tendo que sair do nosso site?

Author

Mauro Pedrini

Um nerd apaixonado por negócios.
Meu foco é aumentar as vendas e o tamanho das empresas usando as ferramentas que a internet oferece.

Leave a comment

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *